O Cedeplar tem a enorme satisfação de anunciar que o artigo dos professores e estudante do Programa de Pós-Graduação em Demografia, Cássio Turra, Cibele César e Vanessa Gabrielle Di Lego "Mortality selection among adults in Brazil: The survival advantage of Air Force officers" foi selecionado como um dos melhores do ano do jornal científico Demographic Research (Volume 37). https://www.demographic-research.org/volumes/vol37/default.htm

Trata-se de prestigiada revista  indexada, competitiva e que pratica rigoroso 'peer-reviewed'. O volume 37(2017) contêm 63 artigos e renomados cientistas da área como David Shapiro, Emily Grundy, James W. Vaupel e John Bongaarts, que também publicaram neste volume.

Reconhecidos parabéns aos autores pela conquista!

Os Coordenadores dos Cursos de Pós-Graduação em Economia e Demografia, Profs. Marco Flávio da Cunha Resende e Laura Lídia Rodríguez Wong, têm a honra de convidar para a Aula Inaugural dos Programas de Pós-Graduação do Cedeplar, que será proferida pelo Professor Eduardo Luiz Gonçalves Rios-Neto, com o tema: " Educação e Trabalho:  Uma Abordagem para a Análise do Curso de Vida dos Jovens ", no dia 14 de março de 2018, às 15h30, no Auditório 1 da FACE.

 

Professor Eduardo Luiz Gonçalves Rios-Neto

http://lattes.cnpq.br/5640358367116269

 

Segue o link: https://www.pop.upenn.edu/spotlight/gilvan-guedes

O artigo intitulado “Estrutura produtiva e crescimento: uma análise comparativa de Brasil, Austrália e Canadá”, de autoria da aluna do curso de REI, Larissa Resende, em co-autoria com o professor do Cedeplar João Prates Romero, foi o tema de uma matéria de duas páginas de uma das edições de fevereiro da revista Carta Capital. O artigo, que foi agraciado com o primeiro lugar no Prêmio ABDE-BID 2017 de Desenvolvimento Econômico na categoria Desenvolvimento em Debate, discute como diferenças na estrutura produtiva de Brasil, Canadá e Austrália podem explicar as grandes diferenças de renda per capita entre esses países. No artigo, os autores apresentam dados que indicam que, apesar dos três países terem uma pauta de exportações com grande participação de bens primários, as estruturas produtivas de Austrália e Canadá são consideravelmente mais desenvolvidas que a estrutura do Brasil. Usando medidas de qualidade dos bens exportados por cada um dos países, os autores mostram que Austrália e Canadá exportam uma quantidade considerável de bens de média e alta tecnologia com qualidade acima da média mundial, o que não se observa no caso brasileiro. A principal conclusão do artigo, que é discutido na matéria da Carta Capital, é que embora a especialização na exportação de produtos primários e manufaturas baseadas em produtos primários não seja incompatível com elevados níveis de renda per capita e desenvolvimento produtivo, para atingir níveis altos de renda é indispensável a diversificação produtiva rumo a setores de alta tecnologia, apesar da atividade primário-exportadora. A matéria completa da revista Carta Capital pode ser acessada pelo link:

https://www.cartacapital.com.br/revista/990/e-possivel-se-desenvolver-so-exportando-produtos-primarios

Os programas de Pós-Graduação em Demografia e Economia disponibiliza oferta de disciplinas isoladas para inscrição destinada a candidatos que possuam Graduação em qualquer curso e não possuam vínculo com a UFMG:

Disciplinas oferecidas para o 1º / 2018:

O processo de inscrição possui duas etapas:

1ª Etapa: inscrição ONLINE, exclusivamente pelo link disponibilizado para inscrição que ocorrerá somente na data de 07/03/2018, conforme calendário da UFMG, no período de 8h às 23h.

O RESULTADO DA PRIMEIRA ETAPA SERÁ PUBLICADO SOMENTE NO SITE NAS DATAS DE 12 E 13/03. SOMENTE OS APROVADOS PRECISAM PAGAR A GUIA DE RECOLHIMENTO (GRU) E COMPARECER PESSOALMENTE NA SECRETARIA PARA A SEGUNDA ETAPA (CONFIRMAÇÃO DA MATRÍCULA)

2ª Etapa: matrícula na disciplina isolada, caso o requerimento tenha sido aprovado, SOMENTE nos dias 12 e 13/03 de 8h às 12h e 14h às 18h, horário de funcionamento da secretaria. Nesta ocasião, o candidato aprovado deverá apresentar na secretaria, pessoalmente ou por meio de procuração simples, os seguintes documentos impressos:

- cópia do comprovante de pagamento da guia de recolhimento (GRU), disponibilizado somente na data com o resultado. (Para todos os candidatos: brasileiros e estrangeiros)

- cópia da Carteira de Identidade e CPF (não serão aceitos cópia de CNH)

*somente servidores da UFMG

- Cópia do último contracheque e autorização da chefia

- cópia da Carteira de Identidade e CPF (não serão aceitos cópia de CNH)

* candidatos estrangeiros: Cópia do comprovante de pagamento da guia de recolhimento (GRU), Cópia e original do CPF, passaporte e página de identificação constante em passaporte válido com visto temporário de estudante ou permanente e cédula de identidade expedida pela Polícia Federal (RNE).

Para demais informações consultar o informativo:

DISCIPLINA ISOLADA 1º/2018

FORMULÁRIO PARA INSCRIÇÃO EM DISCIPLINA ISOLADA (Disponível somente em 07/03/2018 de 8h às 23h)