Desde sua criação, o Cedeplar vem mantendo estreitos laços de relacionamento com instituições nacionais e internacionais, acadêmicas ou de outra natureza, que lhe garantiram considerável ajuda para sua criação e consolidação institucional.

Assim é que, em seus primeiros anos de existência, instituições como BNDES, IPEA, Fundação Ford, USAID, USP, Institute of Social Studies tiveram importância decisiva na formação dos quadros acadêmico e administrativo, seja por meio de apoio técnico-científico, seja por meio de financiamentos de suas atividades.

Posteriormente, outras instituições, como órgãos federais e estaduais da administração pública (os diversos ministérios, a FIBGE, etc.), fundações (Rockefeller, Hewlett e outras), além das Nações Unidas, através do Fundo de População das Nações Unidas - UNFPA, desempenharam papel importante no esforço de ampliação e consolidação das atividades do Centro.

Ressalte-se, ainda, as ligações e filiações institucionais, quer do Cedeplar, quer de seus membros que lhe conferem convivência do mais alto nível na área acadêmica e institucional. Dentre estas, contam-se instituições como a Fundação IBGE, a Fundação SEADE, a Fundação João Pinheiro, a ABEP, a ANPEC, a ANPOCS, a ANPUR, a IUSSP, o PAA, além de universidades como a USP, a Unicamp, a UFRJ, a University of Texas, a Yale University, a Princeton University, a University of Florida, a University of London, a Universidad de Barcelona, a Università di Firenze, entre outras.